Co-fundador do Lollapalooza acredita na volta de grandes eventos somente em 2022

lollapalooza

Em entrevista no dia 20 de julho de 2020, o co-fundador do Lollapalooza, Marc Geiger, afirmou que não acredita na volta de grandes eventos e festivais de música antes de 2022 ou antes do total controle do COVID19.

“Em minha humilde opinião, será em 2022. (…) Há provavelmente 20 obstáculos que precisam ser superados antes da música ao vivo retornar. Meu instinto é que vai demorar um pouco, porque estes eventos de alto contagio, como esportes, show e festivais não serão seguros enquanto o vírus estiver presente”.

Para o fundador do Lollapalooza, a incerteza com relação ao futuro é grande:  “Com a Covid-19 existe uma responsabilidade infinita das empresas. Os próximos seis meses podem ser piores do que os últimos seis meses, e talvez os próximos seis meses depois disso sejam ainda mais”.

Lembrando que o Lollapalooza Chicago 2020, que aconteceria de 30 de julho à 02 de agosto, foi oficialmente cancelado e ainda não há confirmação sobre datas para 2021. A edição brasileira adiada para o final do ano continua confirmada para os dias 10, 11 e 12 de setembro.

Para escutar o podcast completo, clique aqui.

Lollapalooza volta eventos

Leia também: Evento com 5.000 pessoas na França sem distanciamento faz prefeitura rever normas de segurança

CONFIRA MAIS:

- Para receber cupons de desconto e mais informações sobre festas e festivais de música, clique aqui
- Para participar dos nossos grupos exclusivos de wsapp e receber as novidades em primeira mão, clique aqui

- Siga também nossos perfis no Instagram: @bruejode e @wegoout

Tem duas paixões na vida: viagem e música. Com mais de 30 países na bagagem e muitas histórias em festivais, escolheu os cinco dias acampada na lama do Glastonbury e a mágica de trabalhar no Tomorrowland Bélgica como as experiências mais incríveis que já teve.

Comente aqui:

Comente aqui!
Por favor, preencha com seu nome