Dynamick e The Ølivers lançam “Not A Game” pela Braslive

Not A Game

Com uma mistura única entre Future House, Tech House e Lo-fi que mescla leads, synths cheios de energia, vocal melódico e uma bateria vem groovada, Dynamick e The Ølivers trazem a faixa “Not A Game“, pela Braslive.

Amigos de longa data, os DJs e produtores finalmente conseguiram juntar os seus projetos em uma faixa que os representa muito bem. “Eu tinha acabado de começar uma ideia bem diferente de todas as minhas outras produções e consegui desenvolvê-la até certo ponto, então a enviei para os meninos do The Ølivers, pois sabia que eles poderiam dar um upgrade no som. Após eles mexerem na track e adicionarem sua identidade, eu peguei o projeto de volta,  finalizei o som e adicionei alguns detalhes”, conta Dynamick.

“Not a Game” faz parte do EP “Only U” de Dynamick, que ainda promete uma música solo intitulada “Feel Your Touch” e também a colaboração “Only U”, que carrega o nome do EP, ao lado de DZKO. O jovem de apenas 15 anos já tem em sua bagagem suporte de artistas como Alok, Fedde Le Grand, Dannic, Bingo Players, Jay Hardway, KVSH, DISORDER, Plastic Funk e FAULHABER.

“Podem esperar vários lançamentos fortes e várias tracks bem diferentes do que rolam na cena, com uma vibe mais puxada para o Lo-fi House e o Future House”, garante o DJ e produtor. 

Além dessa collab, os projetos já estão preparando um novo single, que logo logo estará no ar! Enquanto isso, você pode conferir “Not a Game” de Dynamick e The Ølivers, já disponível nas principais plataformas digitais, pela Braslive.

Leia também: Cool Keedz e Dora Sanches lançam “Stay The Night” pela Braslive

CONFIRA MAIS:

- Para receber cupons de desconto e mais informações sobre festas e festivais de música, clique aqui
- Para participar dos nossos grupos exclusivos de wsapp e receber as novidades em primeira mão, clique aqui

- Siga também nossos perfis no Instagram: @bruejode e @wegoout

DJ, produtor musical e estudante de publicidade, seu objetivo de vida é emocionar as pessoas e fazer com que elas sintam lá no fundo algo confortante. Seja tocando em festas, produzindo suas próprias tracks ou escrevendo textos, acredita que a música eletrônica tem o potencial único de unir pessoas e trazer bons momentos e experiências inesquecíveis.

Comente aqui:

Comente aqui!
Por favor, preencha com seu nome