Entrevista | Binaryh leva o Brasil para o mundo no DGTL São Paulo 2022

Binaryh DGTL
Créditos: @guilhermeoliveira85

Assinando o hino do festival com o remix de “Blinded“, original do holandês Coloray, o duo Binaryh fez história no DGTL São Paulo 2022. Durante o festival, batemos um papo com Camila Giamelaro e Rene Castanho, que compartilharam as emoções de participar de um projeto tão importante para a cena da música eletrônica brasileira como o DGTL São Paulo. Além disso, Binrayh se apresentou no showcase do DGTL na Avenida Paulista, e é atração confirmada no Rock In Rio. Como se não fosse suficiente, os artistas ainda comentaram sobre novidades para esse ano, com novos projetos que prometem muito! Confira o papo:

We Go Out
DGTL gente, vocês foram convidados para fazer o remix de “Blinded”, o som da campanha aqui do Brasil! Contem para a gente como foi essa emoção de receber o convite.

Camila
“Na verdade foi um lance bem surreal, quando ligaram para a gente e perguntaram se queríamos fazer esse remix. Não tinha como negar, não tinha. Na  hora a gente topou e foi até engraçado, por que a gente recebeu o convite antes de ficar sabendo que a gente iria tocar aqui, então automaticamente pensamos: “bom, se a gente vai fazer a trilha sonora, devemos tocar no evento, né?” – Foi muito gratificante, pois foi o momento em que percebemos que não é só reconhecido pela energia que a gente passa no palco, e sim pela qualidade da nossa produção musical.”

Créditos: @guilhermeoliveira85

We Go Out 
Maravilhosos! Vocês também fizeram o showcase do DGTL na Avenida Paulista, e fiquei sabendo que suas famílias viram pela primeira vez vocês tocando! Como foi ter a família junto naquele momento?

Rene
“Olha, minha mãe me escuta tocar há 32 anos, mas em casa. Hoje não mais, mas ela escutou durante uns 20 anos e foi a primeira vez que ela me viu tocar fora de casa. Ela ficou emocionada, ficou na frente, pulando! Quem vir os vídeos, vai ver minha mãe lá voando, literalmente no nosso front!”

We Go Out
E aqui dessa vez? Não trouxeram ninguém, os pais? 

Camila
“Os pais não, mas eu sei que minha irmã vem, mas ela já é da galera. Mas realmente, tanto para o Rene quanto para mim, eles estiveram lá, e foi a primeira vez que eles viram a gente em ação, e acho que foi emocionante para todo mundo, sabe, para eles e para nós. Hoje nem tanto, mas acho que para o pessoal da nossa geração, os pais estranham um pouco quando o filho fala que quer ser DJ, que quer ser artista, então quando eles veem acontecendo ali, veem que a galera tá com a gente, pra eles o jogo vira é, aí eles tem uma outra visão do trabalho então pra gente foi incrível! “

Rene
“Viu mãe, desculpa pelo barulho, por todos os 20 anos, mas deu certo! Funcionou! Vamo DGTL!”

We Go Out
E no DGTL, entre Jan Blomqvist e Innellea! Como vai ser essa apresentação, e o que vocês estão preparando aí pra gente? 

Rene
“Energia! A única coisa que eu pensei, quando pensei no que tocar, quando montei a pasta, foi colocar energia. A gente vai tocar muita música nossa que ninguém nunca ouviu, muita música nossa que acham que são de outras pessoas porque a gente nunca falou que eram nossas… e vai ser lindo!”

Binaryh DGTL
Créditos: @guilhermeoliveira85

We Go Out
E 2022 para vocês está sendo lindo, né? Tenho acompanhado vocês nas redes, muito felizes que vão tocar junto com Fideles no Festival Surreal, tem Rock In Rio… Como está essa sensação pra vocês de “passamos dois anos parados, e agora os grandes festivais tão aqui”, o que vocês estão sentindo para esse ano?

Camila
“Pra gente tá muito melhor do que a gente imaginava! Rolou todo esse medo por ficarmos parados por dois anos, e na hora de voltar ficamos pensando “será que vão querer ver a gente? Será que vão querer ouvir a gente? E agora recebendo todos esses convites para tocar nesses lugares tão legais, é a comprovação de que todo mundo quer realmente que a gente faça parte desses momentos especiais

Rene
“Uma coisa que eu acho muito especial, principalmente desse momento aqui, é que nós somos brasileiros, então estamos aqui representando todo mundo, todo brasileiro que gosta de música eletrônica. Vendo desde a galera que pediu o remix de “Blinded” do Coloray, a galera que colocou a gente aqui, e os gringos que vem pra cá e tratam a gente como amigos já, tipo é o Brasil pegando seu espaço dentro da cena… mal consigo explicar, mas é muito legal nós sermos brasileiros e estarmos aqui nesse momento.”

We Go Out
E a gente tá muito feliz por vocês, por todas essas conquistas que a gente sabe que é só o começo! Para finalizar: projetos futuros! Contem um pouquinho do que vem por aí, o que podemos esperar? Projeto audiovisual chegando, algo que você queira fazer só com mulheres… contem um pouquinho para a gente!

Camila
“A gente tá começando a estruturar um projeto audiovisual que queremos estrear ainda esse ano, junto com o VJ Rafa Ulster que já é parceiro nosso e do D.Edge. A gente quer fazer uma coisa bem diferente que passe o visual do Binaryh além da gente!”

We Go Out
Quando a gente pode esperar para ver uma apresentação? 

Camila
“Ainda não tem nada agendado, ainda estamos na fase de muita conversa com o VJ, de trocar ideias para a gente poder entender juntos como vamos trabalhar bem. Estudando possibilidades. Sobre o projeto das mulheres, é um projeto mais meu, mas o Rene está me incentivando muito a fazer, eu quero que seja uma coisa bem ampla. De início vai ser uma noite que eu quero promover só com DJs mulheres e se for possível, todo o staff também composto por mulheres. Estou numa fase que estou sentindo que preciso devolver tudo que eu estou recebendo da mulherada, sabe? Quando a gente sai pra tocar e nas redes sociais, eu recebo muito carinho das mulheres, falando que eu represento muita coisa pra elas, então acho que é essa minha forma de responder.”

We Go Out
Ansiosíssimas! Esperamos fazer parte desse projeto! Queria agradecer demais a oportunidade de estarmos juntos aqui, imagino que vocês devam estar ansiosos para tocar, nós estamos ansiosíssimos para ver vocês tocando, e vai ser um sucesso, um arraso! Daqui pra frente é só sucesso!

Binaryh
“Nos vemos na pista!”

Leia também: DGTL São Paulo 2022: saiba como foi o esperado retorno do festival!

CONFIRA MAIS:

- Para receber cupons de desconto e mais informações sobre festas, clique aqui!
- Confira nossos grupos exclusivos de WhatsApp aqui!

- Siga também nossos perfis no Instagram: @bruejode e @wegoout

DJ, produtor musical e graduado em Comunicação Social pela ESPM SP, seu objetivo de vida é emocionar as pessoas e fazer com que elas sintam lá no fundo algo confortante. Seja tocando em festas, produzindo suas próprias tracks ou escrevendo textos, acredita que a música eletrônica tem o potencial único de unir pessoas e trazer bons momentos e experiências inesquecíveis.

Comente aqui:

Comente aqui!
Por favor, preencha com seu nome