Saiba mais sobre o estudo sobre o protocolo de segurança do EXIT Festival

EXIT

Um estudo científico foi realizado para determinar a eficácia do protocolo de segurança “Safe Events Sérvia”, que foi rigorosamente aplicado no EXIT Festival. O objetivo do estudo também era avaliar a disseminação do vírus nessas condições. Um total de 345 participantes foram divididos em dois grupos. O Grupo 1 foi vacinado e o Grupo 2 entrou no festival com teste negativo. Eles foram testados antes de entrar no festival, de 8 a 10 de julho, e apenas uma pessoa deu positivo. O teste foi repetido após sete dias, de 15 a 17 de julho, e os resultados são muito bons. Em ambos os grupos, nenhuma pessoa testou positivo para Covid-19.

O fundador e CEO do EXIT Festival, Dušan Kovačević, disse que os resultados do estudo falam por si. Ele acha que o setor de eventos ao vivo foi “tratado de forma injusta no passado”. Acrescentou ainda que “já não existem argumentos e justificativas que permitam encontros em eventos esportivos, em cafés ou centros comerciais, e não em concertos e festivais”.

A pesquisa é possivelmente a primeira a ser feita em um evento musical de massa com a presença de dezenas de milhares de pessoas. Espera-se que esses resultados sejam um dos principais argumentos na luta para trazer de volta os grandes eventos em todo o mundo.

Leia também: Réveillon Amaré 2022 | Tudo que você precisa saber

CONFIRA MAIS:

- Para receber cupons de desconto e mais informações sobre festas e festivais de música, clique aqui
- Para participar dos nossos grupos exclusivos de wsapp e receber as novidades em primeira mão, clique aqui

- Siga também nossos perfis no Instagram: @bruejode e @wegoout

DJ, produtor musical e estudante de publicidade, seu objetivo de vida é emocionar as pessoas e fazer com que elas sintam lá no fundo algo confortante. Seja tocando em festas, produzindo suas próprias tracks ou escrevendo textos, acredita que a música eletrônica tem o potencial único de unir pessoas e trazer bons momentos e experiências inesquecíveis.

Comente aqui:

Comente aqui!
Por favor, preencha com seu nome