Melhores Bloquinhos de Carnaval no Rio de Janeiro 2017

Escolher os melhores bloquinhos para ir no Carnaval do Rio de Janeiro 2017 é uma tarefa difícil. Por mais que você tenha certeza que está escolhendo bem, sempre vai ficar a sensação de que perdeu algum que foi muito bom.

Esse será nosso quarto Carnaval seguido por lá, então já temos nossa preferência de quais bloquinhos de carnaval mais gostamos e vamos falar um pouco mais deles aqui. No final do post ainda vamos colocar as melhores ficas para você aproveitar ao máximo seu tempo por lá 🙂

Todos os anos nós gostamos mais dos bloquinhos 2017 da zona sul! São os que tem menos muvuca (menos muvuca é diferente de não ter muvuca), geralmente tem sombra pra se esconder do sol, galera animada e é mais fácil de encontrar um banheiro (seja químico ou dentro de algum bar).

Vamos as melhores opções:   25/02: Sábado Bloco Céu na Terra Horário: 08h Onde: Santa Tereza – Largo dos Guimarães Estilo: Marchinhas   Escangalha Horário: 10h Onde: Gávea – Rua Orsina da Fonseca Estilo: Marchinhas   Bloco da Favorita Horário: 10h Onde: Copacabana – Av. Atlântica com a Rua Julio de Castilhos Estilo: Funk   Bloco dos Barbas Horário: 15h Onde: Botafogo – Rua Arnaldo Quintela com Rua Assis Bueno Estilo: Músicas Antigas   26/02: Domingo Bloco Areia Horário: 10h Onde: Leblon – Rua Dias Ferreira, entre a Av. Bartolomeu Mitre e a Rua General Urquiza Estilo: Marchinhas   Que Merda é Essa Horário: 14h Onde: Ipanema – Rua Garcia D´Ávila com Nascimento Silva Estilo: Marchinhas   Turbilhão Carioca Horário: 14h Onde: Lagoa – Parque dos Patins Estilo: Música Variada   Simpatia é Quase Amor Horário: 16h Onde: Ipanema – Praça General Osório Estilo: Música Antiga   27/02: Segunda-Feira Corre Atrás Horário: 09h Onde: Leblon – Rua Dias Ferreira, entre a Av, Bartolomeu Mitre e a Rua General Urquiza Estilo: Música Variada   Samba de Santa Clara Horário: 10h Onde: Barra – Av. Lucio Costa. Estilo: Música Variada   Pede Passagem Horário: 15h Onde: Gávea – Em frente ao Jockey Estilo: Música Variada   Império da Cruzada Horário: 16h Onde: Leblon – Rua Humbert de Campos entre Av. Afranio de Melo Franco e Av. Borges de Medeiros Estilo: Música Variada   27/02: Terça-Feira Carmelitas Horário: 10h Onde: Santa Tereza – Largo do Curvelo Estilo: Música Antiga   A Rocha da Gávea Horário: 09h Onde: Gávea – Praça Santos Dummont Estilo: Música Antiga   Vagalume o Verde Horário: 10h Onde: Jardim Botânico – Rua Jardim Botânico com Pacheco Leão Estilo: Marchinhas   Sobrinhos do tio Bio Horário: 11h Onde: Leblon – Rua Ataulfo de Paivacom Rua Rainha Guilhermina Estilo: Marchinhas   Empurra que Pega Horário: 16h Onde: Leblon – Av. Ataulfo de Paiva, entre Bartolomeu Mitre e João Lira Estilo: Música Antiga  

bloquinhos de carnaval

Além dos bloquinhos 2017 vão rolar muitas festas durante a noite. Nossa recomendação é aproveitar pelo menos uma delas, já que elas são muito bem organizadas, algumas são open bar (dos que valem a pena) e a chance de diversão é de 100%! Fizemos um post (clique aqui) com as melhores para vocês se programarem!   GUIA PRÁTICO CARNAVAL DO RIO 2017: Nunca foi para o Rio de Janeiro no Carnaval? Vai mas sempre acha que poderia aproveitar mais? Leiam nossas dicas para ajudar no planejamento do feriado:   – “Vou escolher os bloquinhos quando chegar no Rio“. Não recomendamos, já que como falamos, são muitas opções e mesmo os locais mais perto são relativamente afastados. Tenha uma lista pré selecionada de bloquinhos mas também vá de cabeça aberta para conhecer coisa nova.   – “Vou curtir todas as festas e todos os bloquinhos“. Não amigo, infelizmente, não vai. Se você for nas festas vai ser difícil aguentar o ritmo dos melhores bloquinhos que começam de manhã. Então veja qual é sua prioridade e faça escolhas!  

bloquinhos de carnaval 2017
bloquinhos 2017

– “Ah mas preciso usar fantasia?”. Precisar não precisa, mas você vai se divertir muito mais se estiver fantasiado. Todo mundo está, desde as crianças aos velhinhos. Faça parte da brincadeira, organize fantasias com seu grupo de amigos. Não precisa ser nada muito elaborado ou caro, um acessório já dá a graça da festa!   – “O Rio de Janeiro é muito perigoso, não vou levar celular”. Assim como em qualquer lugar do mundo, onde há muvuca você corre o risco de perder ou roubarem seu celular. Evite isso usando os famosos “porta-dólar”. Guarde dinheiro, celular e um documento de identificação lá e saia tranquilamente. Não de bobeira com jóias e outros acessórios caros que possam causar dor de cabeça.   – “Meu Deus só tem Antártica”. Pois é, já aceite que vai ser difícil achar uma Skol dando bobeira por lá. A parte boa é que além da cerveja os ambulantes geralmente vendem Skol Beats Senses, e dá para achar algumas opções de sacolé com vodca para vender no meio do bloco.   – “Nossa como vocês são frescas, não indicaram nenhum dos bloquinhos mais famosos: Sargento Pimenta e Bangalafumenga”. Pois é, não indicamos mesmo! Nossas experiências nesses bloquinhos no Aterro do Flamengo foram péssimas. Muita, muita, muita gente; horas na fila do banheiro; impossível de se locomover tranquilamente e mal dava para escutar o som. Nós achamos que não vale a pena, mas como as pessoas tem experiências diferentes nos bloquinhos, tem gente que se diverte!   – “Dá pra usar transporte público em todos os blocos?”. Na maioria dá sim, o metrô funciona normalmente e os ônibus também circulam pela maioria dos lugares. Se quiser mais rapidez e conforto, nossa sugestão é utilizar um aplicativo de transporte privado, como o Cabify. A melhor parte é que se colocar nosso código SUMMER, a primeira corrida de até R$20 sai de graça! Como a demanda será enorme no final dos bloquinhos, já baixe todos aplicativos no celular e guarde bateria!   No fim, é isso. Não esqueçam do protetor solar e de beber muita água, o Carnaval do Rio de Janeiro é muito quente. E andem com dinheiro em espécie, pois a maioria dos ambulantes nos bloquinhos não aceita cartão. Aproveitem e ótimo Carnaval! Nos vemos por lá!

Tem duas paixões na vida: viagem e música. Com mais de 30 países na bagagem e muitas histórias em festivais, escolheu os cinco dias acampada na lama do Glastonbury e a mágica de trabalhar no Tomorrowland Bélgica como as experiências mais incríveis que já teve.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here