Molothav mostra o poder da força feminina na sua nova track “Speaking Machine”

Speaking Machine

Meninas, juntem-se! A música eletrônica é mais legal conosco. É essa a premissa do selo brasileiro Parrots Records, que acaba de lançar sua primeira coletânea de House Music focada somente em DJanes. Cinco artistas foram convidadas a participar do projeto, todas brasileiras e todas talentosíssimas. Destacamos aqui e conversamos rapidamente com Molothav, codinome de Thais Hartmann que apresenta a track “Speaking Machine“.

DJ desde 2015 e produtora desde 2017, a artista paranaense é uma das pérolas da cena atual quando o assunto é aquele Tech House de pista cheio de groove e elementos alto-astral. Para o VA Female Empowerment (em tradução, “empoderamento feminino”), Molothav entregou a faixa “Speaking Machine”.

kalla orbis

“Eu gosto muito de entregar produções versáteis, mas fazer música pra pista de dança é um dos meus principais focos. Sempre falei que ver as pessoas felizes e dançando na pista me traz sensação de dever cumprido e é nessa linha que eu continuo seguindo, agora com as minhas próprias músicas. Me inspiro em muitos artistas que considero exemplos disso, como Charlotte de Witte, Chelina Manuhutu, Anna, Ashibah…”, comentou Molothav, que nessa música trouxe elementos e texturas mais pesadas, algo que ela promete manter nos próximos trabalhos.

Ainda assim, “Speaking Machine” tem batidas ágeis, linhas de baixo constantes e um feeling que convida qualquer ouvinte a dançar. O lançamento ocorre em seguida de muitas conquistas importantes para a artista, que já lançou por selos que sempre estiveram em sua lista de desejos, como Order, Muzenga, Sony Music/Hub Records, Klandestine, Suitor e Vex Distro.

Esta não é a primeira vez que Molothav participa de uma proposta de reconhecimento dos talentos femininos no cenário. Certo tempo atrás, a marca de cerveja Beck’s a colocou em uma campanha junto a outras mulheres da dance music, a exemplo de ANNA, BLANCAh, Eli Iwasa e Groove Delight. “Quando os meninos da Parrots entraram em contato, contando sobre o VA só de mulheres, achei a ideia muito boa e bem-vinda. Confirmei minha participação na hora, não podia ficar de fora, afinal, meu projeto sempre carregou essa bandeira — de contribuir para aumentar a representatividade das mulheres na cena eletrônica. Foi um casamento perfeito”.

O lançamento traz um pouco da personalidade de cada artista, deixando o projeto com um ar de ecletismo. Começa com o deep emocional de Scabeni em “Mad Love”, passando pelo House classudo de Gab1 com “Clean Soul”, os grooves chiques da Claire (BR) em “WPCL” e as sonoridades minimalistas de Blessy com “Cosmic”. 

Molothav encerra com “Speaking Machine”, não sem antes protagonizar o Hype Top 100 de Tech House do Beatport, onde chegou na posição #57. “entrar no Top 100 Hype de Tech House foi a cereja do bolo! Ver a galera comprando a música pra ajudar uma mulher a figurar entre tantos homens no Hype de Tech House finalizou minha participação nesse VA maravilhoso com chave de ouro e sensação de dever cumprido”, concluiu.

Ouça o EP:

Acompanhe Molothav no Instagram.

Leia também: Swedish House Mafia apresenta novo álbum “Paradise Again”

CONFIRA MAIS:

- Para receber cupons de desconto e mais informações sobre festas, clique aqui!
- Confira nossos grupos exclusivos de WhatsApp aqui!

- Siga também nossos perfis no Instagram: @bruejode e @wegoout

DJ, produtor musical e graduado em Comunicação Social pela ESPM SP, seu objetivo de vida é emocionar as pessoas e fazer com que elas sintam lá no fundo algo confortante. Seja tocando em festas, produzindo suas próprias tracks ou escrevendo textos, acredita que a música eletrônica tem o potencial único de unir pessoas e trazer bons momentos e experiências inesquecíveis.

Comente aqui:

Comente aqui!
Por favor, preencha com seu nome