O retorno de uma lenda no Mobil Club: Renato Cohen

renato cohen

Ao pensar em Renato Cohen é impossível não associá-lo a uma sólida carreira e ao seu importante papel no cenário eletrônico. Símbolo de uma geração de quando a dance music  brasileira ainda estava em formação, Cohen foi um dos pioneiros a imprimir sua marca e a levá-la a níveis internacionais, como através de sua conhecida música “Pontapé”, pelo gravadora Intec de, Carl Cox — que inclusive foi relançada posteriormente com assinatura da Drumcode.

Cohen se fez ícone não por acaso: sua versatilidade e criatividade nos permitem explorar seu lado que vai além do techno, como house, electro e funk; dessa pluralidade resulta em um estilo particular, forte característica do DJ e produtor que possui mais de vinte anos de carreira.

Das noites de São Paulo a gigs nos mais renomados clubs internacionais como Womb no Japão, Dance Valley na Holanda, Fabric em Londres e Berghain na Alemanha, Renato sempre entrega ao seu público experiências sonoras densas e profundas, consequentes de sua dedicação e trajetória. 

renato cohen

Os próximos que terão a oportunidade de vê-lo em ação serão os clubbers do Mobil Club, em Londrina, no Paraná, retorno que está marcado para o dia 29 de novembro. Cohen já passou pela pistinha intimista do club em outras oportunidades, mas sempre consegue protagonizar um show à parte carregando suas pérolas dentro de seu case. 

Além deste super nome nacional, Samer e DJ Frasson completam as apresentações da noite. Haverá lista amiga com valor de R$ 20 (unissex) até 2h ou R$ 70 consumíveis. Além disso, aniversariantes com seus convidados ganham benefícios. Mais informações você pode conferir no evento oficial através deste link.

O Mobil

Aberto há pouco mais de um ano, o club já recebeu nomes internacionais e nacionais como Marc Romboy, Soundman Pako, Olivier Giacomotto, Tim Baresko, Betoko, Doozie, Wehbba, L_cio, Renato Ratier, Murphy, HNQO, Eli Iwasa, Anderson Noise, BLANCAh. O espaço tem como principal proposta a versatilidade, seja de estilo musical ou mesmo do público, recebendo diferentes tribos para celebrar o que de melhor a música eletrônica tem a oferecer.

Leia também: Destaques que fizeram do Time Warp 2019 Brasil inesquecível!

Tem duas paixões na vida: viagem e música. Com mais de 30 países na bagagem e muitas histórias em festivais, escolheu os cinco dias acampada na lama do Glastonbury e a mágica de trabalhar no Tomorrowland Bélgica como as experiências mais incríveis que já teve.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here