Música

Waio inova em seu álbum "Woyager_7", saindo do clássico psytrance full on

Redação We Go Out

Redação We Go Out

4 de dezembro de 2023

Waio inova em seu álbum "Woyager_7", saindo do clássico psytrance full onMúsica

Metade brasileiro, metade português, Fernando Seca aka Waio é um dos nomes mais criativos do psytrance mundial, considerado revolucionário não só pela sua sonoridade, mas, também, pela criação do seu próprio software, “Waio Control”, produzido exclusivamente para aprimorar as suas performances ao vivo.

Com mais de 20 anos dedicados à música eletrônica, Waio não para de surpreender e, prova disso, é seu mais recente lançamento, “Woyager_7”. O álbum conta com 11 tracks inéditas e completamente diferentes uma da outra, entre elas, duas nas quais apresenta seu novo projeto, Clufe, que mergulham por uma estética ‘hitechno’, criada pelo próprio artista. “Uma mistura de hard techno, psytrance e dance. Depois de produzir psytrance por tantos anos, era hora de algo novo”, explica. Entre as músicas, Waio destaca a repercussão das tracks do projeto Clufe, e o groove e tema de “Kemfooma”.

O fato de artistas de outros gêneros de música eletrônica usarem elementos do psytrance em suas músicas, inspirou Waio a fazer o oposto. “Estou feliz em ver isso, mais e mais artistas e pessoas começaram a ver a beleza do psytrance. Isso traz positividade e coisas boas para a nossa comunidade”, comenta.

Nesse trabalho, Waio tem collabs com Zanon, Rinkadink e James West, e assina remixes para artistas consagrados, inclusive, de outros gêneros musicais. “Fiz uma versão nova de ‘Smack’, de Simon Patterson; de ‘Pura Vida’, do Victor Ruiz, que tocou a faixa no Boom desse ano; e remixei o hino dos fullonzeiros, ‘Everblast’, de Everbiza, Earthling e Chromatone”.

“Eu sempre busquei ser independente e original, mas, ouço muito outros estilos e tento experimentar e trazer isso para novas produções a fim de buscar novas sonoridades”, completa. O álbum reforça esse ouvido e feeling musicais de um músico que aprendeu a tocar violino aos seis anos de idade e que é referência em inovação e experimentação para muitos artistas.

Victor Ruiz, Simon Patterson, John Askew, Indira Paganotto, Bryan Kearney, Vegas, Rinkadink, James West, Zanon, Celli Earthling, Chromatone, Tao Andra, Frostbite, Ajja e Crazy Astronaut são alguns dos nomes que têm tocado as tracks do novo álbum. “Parabéns irmão, você é gênio demais, orgulhoso desse álbum”, publicou Vegas nas redes sociais de Waio.

“Woyager_7” é a história de uma sonda USB chamada “Woyager_7” que vai ao espaço e se conecta a um planeta desconhecido para extrair novas sonoridades e arranjos musicais e retornar a Terra. “A missão é compartilhar as novas combinações musicais com os humanos”, destaca.

“Eu quis ‘wiajar’ um pouco e sair da minha zona de conforto, além de consolidar uma ideia de ‘story telling’ do USB que vai ao espaço se conectar ao planeta desconhecido para extrair novas sonoridades. Estou muito contente com todo o resultado do produto”, finaliza.

Waio experimenta neste álbum o poder do psytrance com outros gêneros da música eletrônica. “Nunca pensei que o psytrance pudesse me levar para tão longe. É como estar em outra dimensão”, descreve.

*Imagem de capa: divulgação

Leia também: Tomorrowland Music aposta no lançamento de 15 produtores brasileiros! Conheça as track

Redação We Go Out

Redação We Go Out

CONFIRA MAIS

Ler mais

NOTÍCIAS RELACIONADAS